compre aqui seu ingresso

 

 

Dias 03, às 17h

Dias 05, 07 e 09, às 20h

 

ORFEU E EURÍDICE – Ópera em três atos (Versão de Viena – 1762)

CORO E ORQUESTRA SINFÔNICA DO THEATRO MUNICIPAL

 

Música – Christoph Willibald Gluck (1714-1787)

Libreto – Ranieri de Calzabigi (1714-1795)

Encenação e Iluminação  – Caetano Vilela

Direção Musical e Regência – Abel Rocha

 

 

Gluck foi autor de dezenas de óperas e tem papel fundamental como reformador do gênero no século XVIII. Orfeu e Eurídice é uma de suas criações máximas e aborda a famosa história da mitologia grega onde Orfeu, inconformado com a morte de sua esposa, dirige-se ao Reino da Morte para trazê-la de volta à vida. A nova produção do Theatro Municipal pretende ser um espetáculo onde a antiguidade clássica seja abordada pelos olhos da contemporaneidade, a partir da proposta de encenação do premiado diretor e iluminador Caetano Vilela.

 

Elenco:

Orfeu – Denise de Freitas, mezzo-soprano

Eurídice – Lina Mendes, soprano

Amor – Luisa Suarez, soprano

 

Participação:

 

Bailarinos do Corpo de Baile do Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Alunos da Escola Estadual de Dança Maria Olenewa

 

Cenografia Duda Arruk

Figurinos Cássio Brasil

Coreografia – Tânia Nardini

 

 

Patrocínio:

SICPA Brasil Tintas e Sistemas de Segurança

 

Apoio:

CVC Viagens e Turismo

Hotéis Othon

O Globo

Rádio SulAmérica Paradiso

Livraria da Travessa

Rádio MEC

MAC Cosmetics

Só Dança

 

 

 

Preços:


Frisas e Camarotes – R$
600,00

Plateia e Balcão Nobre – R$ 100,00

Balcão Superior – R$ 72,00

Galeria – R$ 36,00

 

 

 

 = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =   

 

Dia 08, às 20h

 

 

ORQUESTRA PETROBRAS SINFÔNICA - SÉRIE DJANIRA

 

 

Tobias Volkmann, regente

Fernando Portari, tenor

 

 

Programa:

 

Carlos Gomes – Fosca

 

Giuseppe Verdi – La Traviata

 

Giacomo Puccini – Manon Lescaut

 

Giacomo Puccini – Tosca

 

Giacomo Puccini – La Bohème

 

Frederick Delius – A Village Romeo and Juliet

Walk to the paradise garden

 

Pyotr Ilyich Tchaikovsky – Romeu e Julieta

                                                Abertura-Fantasia Romeu e Julieta



 

 

Preços:


Frisa e Camarote – R$
576,00
Plateia e Balcão Nobre – R$ 96,00
Balcão Superior – R$ 50,00
Galeria – R$ 20,00


 

 

 = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =   

 

Dia 10, às 17h

 

ORQUESTRA FILARMÔNICA DE GOIÁS – TURNÊ NACIONAL

 

 

 

 

 

A Orquestra Filarmônica de Goiás encerra a sua III Turnê Nacional com uma apresentação no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.  O concerto terá como solista o consagrado pianista brasileiro, Jean Louis Steuerman, e a regência do maestro britânico Neil Thomson, que é Diretor Artístico e Regente Titular desta Orquestra.

 

 

Programa:

Rachmaninov Concerto para Piano e Orquestra Nº 1

César Guerra-Peixe A Retirada da Laguna

 

 

Solista – Jean Louis Steuermanpiano

 

 

Regência – Neil Thomson

 

 

Preços:


Frisas e Camarotes – R$ 120,00
Plateia e Balcão Nobre – R$ 20,00 
Balcão Superior e Galeria – R$ 20,00

 

 

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = 

 

 

Dia 11, às 20h30

 

 

CONCERTO COMEMORATIVO 71 ANOS DA ACADEMIA BRASILEIRA DE MÚSICA

 

ORQUESTRA SINFÔNICA DA UFRJ

 

CORO SINFÔNICO DA UFRJ

 

 

 

Programa:

 

Heitor VILLA-LOBOS (1887-1959) – I - Verde Velhice - Divertimento para orquestra

                                                               II - Concerto Nº 2 para violoncelo

                                                              III - Suíte II para orquestra de câmara

                                                              IV - Choros 10 para coro e orquestra

 

 

 

Solista Paulo Santoro, violoncelo

 

Regência Roberto Duarte

 

 

Preços:


Frisas e Camarotes – R$ 120,00
Plateia e Balcão Nobre – R$ 20,00 
Balcão Superior e Galeria – R$ 20,00

 

 

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = 

 

Dia 15, às 20h

Dia 17, às 17h

 

SÃVITRI – Ópera em um ato (1916)

SÉRIE ÓPERA DE CÂMARA EM CONCERTO

SOLISTAS DA ACADEMIA DE ÓPERA BIDU SAYÃO

MÚSICOS DA ORQUESTRA SINFÔNICA DO THEATRO MUNICIPAL

 

Programa:

 

Parte  I

 

CANÇÕES FRANCESAS

 

Camille Saint-Saëns – Violons dans le soir – Cintia Graton

Ernest Chausson – Chanson Perpétuelle – Lara Cavalcanti

Maurice Ravel – Trois Poèmes de Stéphane Mallarmé – Tatiana Nogueira

Francis Poulenc – Le Bestiaire e Rapsodie Nègre – Leonardo Thieze

 

 

Parte  II

 

SÃVITRI

Música – Gustav Holst (1874-1934)

Libreto – Do compositor (Baseado no episódio SÃvitri e Satyavan, do Mahabharata)

                             

 

Solistas:

Sāvitri – Vívian Delfini

Satyavān – Leonardo Feitosa

Morte – Flávio Mello

Regência – Thiago Santos

Coordenação e Orientação Vocal – Eduardo Álvares

Maestrina Preparadora – Priscila Bomfim

Preparação Cênica – João Wlamir

 

Sãvitri apresenta conotações metafísicas — na verdade, um tema muito antigo, o do ser amado que luta com a Morte para tentar salvar a sua cara-metade. Inspirada num episódio do Mahabarata, o grande poema épico indiano, Sãvitri estreou em 1916, em Londres, e tem três personagens principais: a mulher, o marido moribundo e a Morte. Mas a nota de destaque vai para o belíssimo enredo de Sãvitri do compositor inglês Gustav Holst, que se refere a um conto indiano cujo tema é a luta do amor contra a morte. A morte, aliás, representada pelo Deus da Morte, o grande avalista da justiça entre os homens, que os torna todos, enfim, iguais na sua finitude, mas que acaba sendo enganado pela astúcia do amor de Sãvitri.


Preços:


Frisas e Camarotes – R$ 240,00
Plateia e Balcão Nobre – R$ 40,00 
Balcão Superior e Galeria – R$ 20,00

 

 

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = 

 

Dias 22 e 23, às 20h

 

BALLET DE SANTIAGO

Temporada de Dança Dell’Arte

 

 

 

Criatividade e rigor técnico são algumas das principais características do Ballet de Santiago, que tem a consagrada brasileira Marcia Haydée como sua diretora criativa desde 2004. A companhia é um exemplo bem sucedido de parcerias com os mais criativos coreógrafos de nosso tempo, construindo espetáculos que fazem do Ballet de Santiago atualmente uma das companhias mais conceituadas do mundo.

 

A história de Zorba, O Grego é baseada no romance de Nikos Kazantzakis e o balé é considerado uma obra-prima da companhia chilena, que ganhou força e impacto visual nesta montagem, com música de Mikis Theodorakis.  A coreografia de Lorca Massine mescla o clássico com outros estilos, em uma proposta contemporânea e arrojada. O cenário e o figurino são de Jorge Gallardo, que tem reconhecida trajetória internacional.

 

 

Preços:

 

Frisas e Camarotes –  R$ 1.680,00

Plateia e Balcão Nobre – R$ 280,00

Balcão Superior – R$ 150,00

Galeria – R$ 100,00

Galeria – R$ 40,00

 

Os ingressos para frisas e camarotes são vendidos somente na bilheteria do Theatro Municipal. Os ingressos para plateia, balcão nobre, balcão superior e galeria também podem ser adquiridos através dos pontos de vendas telefônicas, remotas e do “site” da INGRESSO.COM, cuja operação seja a retirada de bilhetes na Bilheteria do Theatro Municipal, deverão ser  entregues na entrada do Salão Assyrius – acesso Av. 13 de maio (Boulevart ), no período de 01 (uma) hora de antecedência da abertura do espetáculo.

 

Horário da bilheteria: 

Segunda a sexta, sábados, domingos e feriados --10h às 18h.

Nos dias de espetáculos, das 10h até a hora do início da apresentação.


Não é permitida a entrada de pessoas trajando bermuda, short, top, camisa sem manga e chinelos.
Bilheteria: Boulevard (entrada Rua Evaristo da Veiga)

 

mapa