455x214
Jazz

HIROMI – SOLO WORLD TOUR


Respeitando as recomendações oficiais em relação ao COVID-19, ou coronavírus, comunicamos que estamos buscando alternativas de datas para este espetáculo. Atualizaremos as informações tão logo quanto possível.


HIROMI – SOLO WORLD TOUR

Sucesso absoluto de público e crítica, Hiromi — a pianista-sensação do jazz — volta a apresentar-se no país. Vencedora do GRAMMY, é considerada pelo All Music Guide “uma
das pianistas mais notáveis dos últimos 50 anos”.

Talento fora de série, a japonesa de Shizuoka tinha apenas 14 anos quando tocou com a Filarmônica Tcheca. Posteriormente ingressou na Berklee College of Music de Boston e recebeu o apoio decisivo de dois dos maiores expoentes da cena jazzística dos Estados Unidos: Chick Corea e Ahmad Jamal. Saudada pela crítica do New York Times como “Extravagantemente dinâmica” e “uma poderosa presença em qualquer palco”, Hiromi é uma colecionadora de prêmios.

Pianista de formação clássica, ela muito cedo abriu os braços para o jazz e admite a influência do rock, mas se recusa a rotular sua arte. “Eu não quero colocar um nome na minha música — diz ela. Outras pessoas podem colocar um nome no que eu faço, que é simplesmente a união do que eu tenho escutado e do que tenho aprendido. Tem alguns elementos da música clássica, tem um pouco de rock, um pouco de jazz, mas não quero dar um nome isso”.
adiado


 

Preços

Frisas C/Camarote – R$250,00
Plateia e balcão nobre – R$250,00
Balcão superior – R$150,00
Balcão superior lateral – R$150,00 
Galeria – R$80,00
Galeria lateral – R$80,00

(meia-entrada para estudantes e idosos), (50%  Clube Sou + Rio-O GLOBO, Dell’Arte , Assinantes), (30% Site Dell’Arte e AATM )e (10% Funcionário Público)

Classificação etária: 10 anos

Theatro Municipal do Rio de Janeiro – Praça Floriano s/n° – Centro

Lotação – 2.226 lugares

Ingressos na bilheteria ou no ingressorapido.com.br

Instagram: @theatromunipalrj

Facebook: https://www.facebook.com/theatro.municipal.3/


 “Alertamos que, nos dias de espetáculos, é proibida a entrada no Theatro usando bermuda e/ou chinelos.”